meus oito anos

hó! que saudades
da aurora de minha vida
da minha infância querida 
que os anos nao trasem de volta 
sinto falta das brincadeiras
das amizades que perdi
principalmente da cançoes de ninar
que pararam quando cresi
os sonhos, os amores, que tive aqui
de baixo dos laranjais.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A maneira que encontra para viver

amor & jogo